terça-feira, junho 09, 2009

Eleições antecipadas

Sinceramente acho bem que as eleições sejam agora.
Idealmente deveríam ter sido há 1 mês atrás, mas não o sendo que sejam agora.
Se atentarmos que o campeonato começa em meados de Agosto, eleições em Outubro é que sería o descalabro. Pré-época em campanha e discussões estéreis e início do campeonato condicionadíssimo. Os 2 primeiros meses (até Outubro) debaixo de labaredas.

Quem quer que tivesse intenções de se candidatar e apresentar uma canditatura séria não acredito que fosse elaborar uma lista e um projecto às pressas em cima da urna. Já tem de ter as coisas preparadas. De outro modo não acredito em ninguém que em Outubro conseguisse ser alternativa e agora não o é.
Não quero alguém que acordou agora e "ah e tal, e ser presidente do Benfica, era boa não?!". Ou então alguém que "Epa!... Dava jeito era ser presidente do Benfica... isso é que era!".

Temos de ter uma alternativa séria isso sim. Os que pediam eleições há um mês atrás não estarão preparados agora? Não me parece.

Sinceramente, quem defende a alternativa Veiga a presidente, devia pensar bem na coerência do que diz. Alguém que, com possibilidades, apenas é sócio desde que começou a trabalhar no Benfica? Please, claramente é alguém que se servirá do Benfica ao invés de servir o Benfica. O outro então nem se fala. Não censuro, como muitos o fazem gratuitamente, o facto de se candidatar, mas parece-me que ofender constantemente a inteligência dos benfiquistas não augura nada de bom, levando a crer que não reunirá condições psicológicas quanto mais estatutárias para se candidatar. Nunca o Benfica poderá vencer com os mesmos meios ou métodos que o rival. Não só é inconcebível como tal é impossível. Cada clube tem a sua identidade e terá a sua fórmula de sucesso, que poderá flexibilizar mas nunca subverter. Cópias nunca saem como os originais meus amigos.

De resto, de todas as hipóteses que até agora surgiram, a única que me parece legítima será a do Dr Varandas, mas, espero eu, não sejam só ideias, que tenha as coisas bem sustentados, porque desenganem-se meus senhores, o dinheiro e os contactos contam e muito para o sucesso - não só a competência (já vi, não só no futebol, muita gente competente fracassar). Espero que a sua proposta não seja feita de castelos de areia.

O que eu continuo a estranhar é que de tantos milhões de adeptos que temos, não apareça oposição credível e consistente. Mandar bocas todos mandam, mas chegarem-se à frente...

Agora meus amigos, antes de irmos votar a quente e com raiva, muito cuidado para não trazermos outro Damásio ou Vale cá para dentro. Temos neste momento um nome, um estádio, um centro de estágio e algum respeito resgatado. Apesar de pessoalmente querer a mudança em termos desportivos, não estou disposto a sacrificar tudo em nome de promessas vãs.

Chegue-se à frente quem é boa gente, estamos cá para escolher.

P.S. O chato de isto tudo é o facto de até lá provavelmente não termos treinador, mas seja. De qualque forma a época começa aí e normalmente as nossas contratações prolongam-se sempre até ao limite. Acredito sinceramente que com a equipa do ano passado é possível fazer bem melhor.

2 Comments:

At 8:07 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Grande Golpada do Orelhas e seus Mutxaxos
Ainda fala ele do Pinto da Costa

 
At 3:23 da tarde, Blogger Bruno V. said...

Venho apenas convidar-te a visitar o fintasefifias.blogspot.com onde são revisitadas as carreiras de jogadores dos grandes dos últimos anos. Ao mesmo tempo, entrevistarei eu mesmo cada um deles para ouvir dos próprios a sua visão da sua carreira aqui. O 1º foi Veloso, o 2º irá ser André Cruz e depois virá o ex-portista Diego. Abraço.

 

Enviar um comentário

<< Home