sábado, dezembro 04, 2010

O regresso da dupla

Cardoso e Saviola.
A boa notícia de ontem e do jogo em Aveiro é claramente o regresso da dupla que tantas alegrias nos deu o ano passado (sem esquecer Amorim, que finalmente traz algum equilíbrio nas transições). Espero que seja para manter.

A má notícia é que o jogo de Aveiro foi um mero fogacho. Com o jogo a passo que os jogadores ontem nos brindaram, em que nem o frio os obrigou a correrem um pouco mais, não vamos lá.

Aliás, essa postura de relaxamento é o primeiro passo para os lamentos futuros, pois colocamo-nos a jeito para um qualquer palhaço encomendado como o que ontem tivemos a arbitrar o jogo na Luz, se lembre de assinalar um livre que não foi ou um penálti que não existe, e depois "AiAi que fomos roubados!".

Valha-nos por ora São Roberto. E ontem São Moretto. Estava a falar na hora com o meu irmão e a dizer que a jogar daquela forma só marcaríamos se os outros dessem uma fífia... tenho de jogar o euromilhões :)

Sinceramente não percebo o que se passa, o porquê de tanta moleza e aparente desmotivação.

E a desmotivação dos jogadores contagia a desmotivação dos adeptos. Bem podem pedir público nas flash-interviews, que com espectáculos destes será difícil comparecerem. Valha-vos malucos como eu que lá vão rapar frio e ainda arriscar uma constipação no meu puto de 6 anos quando nem vocês se dignam em entreter-nos.

Um caso sintomático e gritante é Gaitan. Sinceramente não percebo porque se mantém a insistência neste irritante Gaitan, que a cada bola que perde, a sua única reacção é olhar para o adversário com aquele ar de "Oiè? Que passou?". Correr atras dele "tá quieto".
O pior é que às vezes dá a ideia de esse elemento contagiar o resto da equipa. Tou mesmo a ver os outros a pensarem "Dass, se este pirralho que chegou agora não corre, porque vou eu correr quando ele faz m#%$&?!?".

E banquinho para o miúdo, Jesus? Um pouco de humildade e espírito de sacrifício precisa-se. Mas pelos vistos, ainda vale oferecer titularidades de mão beijada.

Bom, em jeito de balanço, ao menos que com estas pequenas vitórias se recupere a confiança que tarda em voltar.

Etiquetas: , , , , , ,

5 Comments:

At 12:17 da tarde, Anonymous rui_sousa said...

Jogo chocho do Benfica.
Muito fraquinho mesmo. Estava com um mau feeling estava mesmo a ver o Olhanence a empatar num daqueles livres desenrascado pelo boi preto!

Como disseste, valha-nos Roberto.
E Cardoso que tanta gente ignorante critica!

 
At 1:23 da tarde, Blogger Jotas said...

Boas meus caro, quero agradecer os elogios que fizeste ao meu espaço, o autor do design, pertence ao bloggerbenfiquista, um dos grandes pioneiros da gloriosesfera.
Sinceramente, ja tinha lido alguns cometarios teus noutros espaços, mas apenas agora conheci este blogue e ganhaste um seguidor.
Quanto ao jogo, ja sabes o que penso dele.

 
At 2:34 da tarde, Blogger VHugo said...

Realmente! Jesus demonstra nesta altura falta de tomates para colocar as suas contratações no Banco!

http://forcamagicoslb.blogspot.com/2010/12/missao-cumprida.html

 
At 4:52 da tarde, Blogger dezazucr said...

Obrigado Jotas, o elogio é sincero, apesar de não comentar muito, costumo passar por aí e recomendo vivamente, não só pelo design, mas pela consistência dos textos.

VHugo, o Jesus é teimoso com as suas opções. Não percebo porque por exemplo deu tantos meses de banco ao Weldon e o Gaitan tem o passaporte para o 11 sem nada fazer para o merecer.

Aliás, a meu ver, a cada jogo prova que lhe faltam 2 características fundamentais: humildade e espírito de sacrifício. Talento a meu ver tem. Mas quantos que já vimos com talento e a perderem-se?

 
At 2:11 da manhã, Blogger Manuel Oliveira said...

Não foi uma exibição de encher o olho, mas também não foi assim tão fraquinha.
A equipa tem de adoptar sempre uma postura de dar tudo jogo a jogo e ir esperando pelos resultados dos azuis.

Abraço.

 

Enviar um comentário

<< Home